Uma história de carinho com o paciente.

Uma história de carinho, comprometimento e respeito com o paciente.

A CIMA foi criada em 1991, com a reunião de uma equipe de cirurgiões altamente qualificados e especializados, que têm como preocupação prioritária a humanização no atendimento aos pacientes. Nossa equipe é habilitada e qualificada nas áreas de cirurgia videolaparoscópica e robótica. Estes acessos minimamente invasivos, através de incisões de no máximo 1 cm na pele do abdômen, propiciam muito menor agressão, maior delicadeza e precisão, levando a uma recuperação muito mais rápida, internação hospitalar muito breve, menos dor pós-operatória, menor risco de infecções, mais rápido retorno às atividades e melhor resultado estético.

Estes quase trinta anos de atividade têm início no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, onde trabalhavam o Dr. Domene e a Dra. Paula Volpe. Estes montaram uma equipe, também composta pelos Drs. Frederico e André. Todos altamente qualificados, com inúmeras especializações, criando um ambiente propício para o atendimento de pacientes com enfermidades graves ou  complicadas, utilizando os melhores conhecimentos (sempre atualizados em cursos, congressos e viagens ao exterior), as técnicas cirúrgicas mais atualizadas, e utilizando tecnologia de última geração nos procedimentos por videolaparoscopia e a robótica, que determina cirurgias altamente precisas e com mínima agressão ao organismo.

Este grupo integrado e coeso realiza entre 80 e 100 cirurgias ao mês, tendo-se tornado uma das equipes com o maior volume de cirurgias realizadas em nosso país. Isto torna os cirurgiões muito mais experientes e hábeis na realização destes procedimentos, convergindo para uma grande resolutividade das doenças operadas e excelentes resultados cirúrgicos e rápida recuperação dos pacientes.

As operações são realizadas nos principais hospitais de São Paulo, todos eles dispondo de instalações confortáveis e sofisticadas, assim como o que existe de mais moderno e atualizado nos equipamentos cirúrgicos. Os hospitais 9 de Julho, Sírio Libanês, Albert Einstein, Samaritano, Santa Catarina, São Camilo Pompéia, preenchem estes requisitos de atendimento humanizado, instalações confortáveis e equipamentos de última geração.
Os médicos têm experiência de 20 anos no tratamento dos pacientes obesos, tendo realizado mais de 6.000 cirurgias bariátricas, o que o torna um dos principais grupos de São Paulo e do Brasil nesta especialidade.

A cirurgia da obesidade reintegra social, profissional e pessoalmente o paciente, levando a um resgate da auto-estima. O atendimento é individualizado, sendo analisadas todas as características clínicas e laboratoriais do paciente, que recebe o tratamento mais eficaz e seguro para sua situação específica. As decisões são tomadas em conjunto, cirurgião, paciente  e eventualmente os familiares, sendo prestados todos os esclarecimentos necessários para a melhor decisão da conduta a ser tomada para cada pessoa em particular.

Para auxiliar qualquer leigo a compreender vantagens, riscos e técnicas da cirurgia da obesidade, os médicos da clínica escreveram um livro que explica detalhadamente e com clareza todos os passos que antecedem, envolvem e sucedem a intervenção cirúrgica.

A cirurgia oncológica vem se desenvolvendo muito nos anos recentes, necessitando capacitação específica para o cirurgião realizar as melhores práticas da atualidade. Os cirurgiões da clínica são todos qualificados e treinados para esta missão, e contam com o apoio de oncologistas, radiologistas, nutrólogos e outros profissionais especializados para o acolhimento completo do paciente com câncer.

O paciente precisa da presença, atenção e do conhecimento do médico. Em quase 40 anos de atividade profissional, a clínica foi idealizada para prestar um atendimento exemplar em todos os níveis – marcar rapidamente a consulta, atender muito bem, oferecer o melhor da Medicina, acompanhar o paciente, transmitir segurança e conforto.




Ficou alguma dúvida?